l

Ut wisi enim ad minim veniam, quis laore nostrud exerci tation ulm hedi corper turet suscipit lobortis nisl ut

Recent Posts

    Sorry, no posts matched your criteria.

Image Alt

Óculos

Óculos

Uma boa visão inicia-se nos olhos e termina no cérebro. Por isso a prescrição de lentes deve ser a melhor possível, desde a confecção, a posição da armação, assim como a estética ocular, devem ser levadas em consideração. A qualidade da montagem também é fator crucial para uma boa prescrição óptica. O conforto visual deve estar estabelecido ao máximo, pois os óculos são parceiros diários.

Desde a sua invenção, os óculos evoluíram muito: enquanto no passado as pessoas que tinham o privilégio de possuí-los davam-se por satisfeitas com o “milagre” de ter a visão melhorada, hoje os pacientes que precisam de uma correção visual são mais exigentes. Atualmente, para que os óculos tenham uma boa aceitação, precisam mais que simplesmente corrigir um problema de visão.

Eles precisam ser confortáveis e estar em harmonia com o rosto e o estilo de vida das diferentes pessoas, pois estas, além de se preocuparem em ter uma boa visão, estão interessadas também em como serão vistas. Isto reflete bem o papel que os óculos vêm assumindo nos últimos anos. Além de proporcionar uma melhor visão, eles passam a ser também um item de moda, o que vem ajudar na boa aceitação e adaptação destes, principalmente por parte dos novos usuários.

 

As partes dos óculos e suas funções
Inicialmente, os óculos podem ser divididos em duas partes, as lentes oftálmicas e armação. Conheça a seguir as aplicações e funções de cada parte.

 

Lentes oftálmicas

Material de fabricação

Inorgânica (mineral) – vidro

Orgânica – resina plástica

Valor dióptrico

Lentes convergentes ou positivas (+)

Lentes divergentes ou negativas (-)

Foco

Lentes monofocais – um só campo de visão

Lentes bifocais – dois campos de visão

Lentes trifocais – três campos de visão

Lentes multifocais ou progressivas – vários campos de visão

Tipos

Esféricas e asféricas para miopia e hipermetropia

Cilíndricas para astigmatismo

 

 

 

 

 

 

Armação e suas funções

Acetato ou metal Tem a função de sustentar e posicionar as lentes oftálmicas diante dos olhos da maneira mais confortável possível
Aro Onde as lentes oftálmicas são encaixadas depois de devidamente cortadas e lapidadas
Ponte Parte que une os dois aros e, nas armações de acetato, serve também para apoiar os óculos sobre o nariz
Plaquetas Encontradas nas armações de metal e têm a função de apoiar a armação sobre o nariz. As armações que possuem plaquetas permitem um melhor ajuste e posicionamento dos óculos
Hastes Servem para apoiar e prender os óculos nas orelhas
Charneiras Unem os aros às hastes
Ponteiras Extremidades das hastes que servem para apoiar e prender a armação nas orelhas. Nas armações de metal as ponteiras, normalmente, são revestidas de plástico

 

 

Tipos de desenhos de lentes

Dúvidas frequentes

 

Quando os óculos precisam ser ajustados?
O ideal é que os óculos sejam pré-ajustados, na óptica e pelo óptico, assim que a armação for escolhida e antes que sejam encaminhados ao laboratório para a montagem das lentes. Depois de prontos, devem ser feitos os ajustes finais. Toda lente oftálmica possui uma curva base para que à distância vértice seja aproximadamente a mesma em qualquer direção que o olho vire. Os ajustes dos óculos devem ser feitos em função disto.

 

Quais são os ajustes necessários?

  • Curvatura da armação: Deve seguir a curvatura facial no sentido horizontal.
  • Inclinação: Na vertical a armação deve ter uma inclinação de aproximadamente 12 graus, chamada Inclinação Pantoscópica, ou seja, as bordas inferiores da armação ficam mais próximas do rosto do que as superiores.
  • Plaquetas: Estas devem ser ajustadas de modo que fiquem totalmente apoiadas sobre o septo nasal, levando em conta a altura da armação em relação ao centro da pupila.
  • Hastes: Devem ter uma abertura perfeita de maneira que não apertem as frontes e nem fiquem largas, causando a sensação de que os óculos estão largos.
  • Ponteira: Devem ser ajustadas acompanhando a curva atrás das orelhas, com uma curva de +/- 45o, de maneira que a armação fique presa ao rosto, sem fazer pressão, para que os óculos não escorreguem sobre o nariz, aumentando a distância vértice e tirando o centro óptico das lentes do centro da pupila.

 

Os ajustes para os óculos multifocais são os mesmos?
Não, nesse caso os pré-ajustes devem ser bem rigorosos, uma vez que os óculos possuem uma lente específica e necessita que o ajuste atenda ajustes para que o paciente enxergue bem e consiga ajustar a sua visão tanto para longe quanto para perto.

 

Quais são os cuidados que se deve ter com os óculos?
Precisam estar sempre ajustados para que cumpram sua principal função, que é de corrigir os vícios de refração proporcionando uma melhor visão; por isso, o usuário de óculos deve, de tempos em tempos, ir até a ótica para fazer o reajuste.

Devem estar sempre limpos; recomenda-se que sejam sempre lavados com água e sabão neutro para a retirada da gordura e sujeiras

Precisam ser guardados em seus estojos.

Nunca devem ser apoiados com as lentes para baixo para que estas não sofram abrasão e fiquem riscadas.